Categories: Giro do Boi

Vendas de sêmen atingem mais de 18,5 milhões de doses

A Associação Brasileira de Inseminação Artificial (Asbia) e o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) da Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” (Esalq), unidade da Universidade de São Paulo (USP), divulgaram esta semana o Relatório ASBIA Index com o fechamento dos dados de 2019. Segundo o levantamento, 18.506.805 de doses de sêmen foram comercializadas, abrangendo as vendas diretas para clientes, exportações e prestações de serviço. Um aumento de 18% em relação ao ano de 2018, quando 15,6 milhões de doses foram vendidas.

O crescimento se deve, principalmente, às raças de corte: foram mais de 11,8 milhões de doses comercializadas, contra 9,6 milhões no ano anterior – crescimento de 23%. As raças leiteiras tiveram avanço nas vendas de 10%, passando de 4,2 milhões para 4,6 milhões de doses comercializadas de um ano para o outro.

Para o presidente da Asbia, Márcio Nery, merece destaque o desempenho das vendas de sêmen sexado, que registraram um aumento de 29% – bem acima da média geral registrada. “Isso demonstra muito visivelmente a preocupação do cliente com o melhoramento genético”, avalia.

As exportações também fecharam em alta. Em 2019, 485.340 doses foram exportadas. No ano de 2018, foram 418.988. O crescimento de um ano para outro foi de 16%.

Conforme o levantamento, entre janeiro e dezembro do ano passado, foram produzidas 10.940.746 doses de sêmen no país. Em 2018, a produção foi de 9.630.303, representando um aumento de 14%.

Para o ano de 2020, as previsões já são otimistas. “Por enquanto, trabalhamos com um crescimento entre 15 e 16%, o que está de acordo com a nossa meta de superar, em até cinco anos, a marca de 30 milhões de doses de sêmen no mercado nacional”, destaca Nery.

Mais resultados

O Relatório ASBIA Index apontou que as exportações de doses de sêmen de bovinos de corte aumentaram. Foram 283.966 doses no acumulado de 2019, contra 255.584 no ano anterior. Na pecuária leiteira, as exportações também cresceram. Em 2019, 201.374 doses foram exportadas. No ano de 2018, foram 163.404.

A entidade – A Asbia é uma entidade sem fins lucrativos. Fundada em 1974, a Associação Brasileira de Inseminação Artificial reúne as empresas que se dedicam ao fomento da pecuária no setor de produção e distribuição de sêmen, materiais e equipamentos de uso na inseminação artificial e de outros produtos ligados à reprodução animal.

Fonte: Agrolink.

This post was published on 7 de fevereiro de 2020

Share
Published by
Equipe BeefPoint

Recent Posts

Mercado de carne de frango tem Recuperação frágil após tempestade Covid-19, diz Rabobank

A indústria avícola global está se recuperando gradualmente de uma tempestade que ocorreu no primeiro… Read More

7 de julho de 2020

Teste rápido é inútil para conter a covid-19 dentro de frigoríficos

Sob escrutínio das autoridades devido à propagação da covid-19 entre funcionários, os frigoríficos brasileiros podem… Read More

7 de julho de 2020

Brasil cobra do Japão abertura de mercado para carne e melão

O Brasil e vários outros países cobraram do Japão, mais uma vez, maior abertura de… Read More

7 de julho de 2020

Boi: 50% dos pecuaristas podem deixar a atividade até 2040, diz Embrapa

Um dos pilares do agronegócio brasileiro, a cadeia da pecuária de corte movimentou o correspondente… Read More

7 de julho de 2020

Exportação de carne bovina bate recorde

As exportações brasileiras de carne bovina (in natura e processada) somaram 172,36 mil toneladas em… Read More

7 de julho de 2020