Categories: Entrevistas

Tiago Beckhauser, fala sobre manejo racional e contenção de bovinos

Nesta entrevista, concedida a Miguel da Rocha Cavalcanti durante a Feicorte 2010, Tiago Beckhauser, gerente comercial da Beckhauser, fala sobre manejo racional e contenção de bovinos.

“O nosso negócio é fabricar tronco e balança, mas na década de 90 começamos a mudar o conceito de contenção e controle. Começamos a olhar um pouco para como que o boi enxerga, como ele reage, como ele escuta e os produtos começaram a levar em conta esses pontos”.

“Ao mesmo tempo a gente sabe da necessidade de produtividade dentro do curral. Não estamos falando em pressa, mas não podemos esquecer da segurança, agilidade, qualidade do trabalho que está sendo realizado”.

“Quando falamos em identificação animal existem diversos tipos que podem ser adotados e cada um se encaixa em um determinado sistema de produção, o que precisa ser lembrado é que cada um deles exige um determinado tipo de manejo”.

“No momento da identificação, por exemplo, o animal precisa ser contido dentro do tronco e isso é uma ação agressiva. A grande sacada é fazer apenas o que é necessário e usar apenas as ferramentas necessárias para aquele procedimento”.

“Quando eu uso chip e vou fazer um leitura com bastão, muitas vezes eu não preciso nem conter pescoço, ou seja, eu tenho menos chance de acontecer uma lesão. Assim a identificação eletrônica vem ajudar a aumentar a produtividade do manejo”.

“O tronco é uma ferramenta dentro do curral onde vai passar cada arroba do pecuarista. O importante é saber que qualquer atividade deve ser realizada dentro do tronco de contenção. A segunda dica é que a gente constrói um tronco que pode ser usado para um bezerro ou para um touro [animais com tamanhos e pesos diferentes], assim quem vai usar o equipamento precisa planejar quais peças ele vai usar para realizar cada tipo de manejo e com cada tipo de animal”.

“No tronco se você for mais devagar, você anda mais rápido”.

O desenvolvimento deste projeto só foi possível graças ao apoio da Allflex, In Vitro Brasil e Pioneer Sementes, que confiaram no trabalho da Equipe BeefPoint e viabilizaram a produção das entrevistas gravadas na Feicorte 2010.

This post was published on 30 de julho de 2010

Share

Recent Posts

Exportações de carne bovina do Uruguai estão se recuperando

As exportações uruguaias de carne bovina se recuperaram no primeiro trimestre de 2021 quando comparadas… Read More

14 de abril de 2021

Estudo: Produção bovina pode diminuir emissão de GEE até 50% através de práticas eficientes

Uma equipa de investigação liderada pela Universidade Estadual do Colorado descobriu que a indústria da… Read More

14 de abril de 2021

Exportações de carne em março aumentam 37,7% em relação ao mês anterior em MT

As exportações mato-grossenses de carne bovina em março de 2021 aumentaram 37,7% em relação a… Read More

14 de abril de 2021

MS está entre os estados com maior adoção de sistemas de integração e plantio direto no Brasil

Na semana em que celebramos o Dia Nacional da Conservação de Solos, Mato Grosso do… Read More

14 de abril de 2021

Carne bovina: ‘Brasil pode passar a exportar 35% da produção em breve’

A arroba do boi gordo segue em alta nos mercados físico e futuro. Quem vê… Read More

14 de abril de 2021

Frigoríficos brasileiros operam com margens abaixo de 3%, diz fonte

A disparada do boi e o cambaleante mercado doméstico reduziram as margens dos frigoríficos a… Read More

14 de abril de 2021