Exportações totais de carne bovina diminuem ritmo pelo segundo mês seguido, aponta Abrafrigo
4 de agosto de 2022
CEPEA: Receita arrecadada com embarques de julho é recorde
4 de agosto de 2022

“Produtos plant based não são de origem animal e não podem ser chamados de carne”, defende ASSOCON

“É preciso esclarecer aos consumidores. Produtos plant based não são carne bovina e não podem usar o termo ‘carne’. Carne é o que nós produzimos”, defende a Associação Nacional da Pecuária Intensiva (Assocon), que sugeriu o tema na pauta da reunião da Câmara Setorial da Carne Bovina, que aconteceu no final de julho na sede do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), em Brasília (DF).

“A Assocon espera que o MAPA assuma essa luta, ajudando a explicar que produtos plant based não são de origem animal e, portanto, não podem ser chamados de carne. Isso só é possível com o apoio do MAPA”, destaca Mauricio Veloso, presidente da Assocon.

Além disso, a entidade reforçou seu posicionamento e pilares, em que defende os interesses da pecuária intensiva, sendo um elo da cadeia produtiva e agente de transformação e agregação de valor. A Assocon incentiva o aumento contínuo da qualidade e da eficiência de produção, alinhando-se a demandas de mercado cada vez mais exigentes e antecipando oportunidades aos confinadores e à pecuária intensiva como um todo, transformando os desafios do mercado em valiosas estratégias de crescimento.

A Assocon esteve representada na reunião da Câmara Setorial da Carne Bovina pela Coordenadora Técnica e de Projetos Juliane Gomes.

Fonte: Assessoria.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.