Categories: Giro do Boi

Produção agroindustrial voltou a diminuir no país em novembro,indica FGV

Depois de reagir em setembro e se manter firme em outubro, o Índice de Produção Agroindustrial Brasileira (PIMAgro) calculado pelo Centro de Estudos em Agronegócios da Fundação Getulio Vargas (FGV Agro) voltou a recuar em novembro, pressionado pela queda das atividades no segmento de produtos não-alimentícios, sobretudo florestas.

De acordo com cálculos recém-concluídos, o indicador fechou o mês com baixa de 1,1% na comparação com novembro de 2018, ante uma contração da indústria em geral no país de 1,7%. Assim, no acumulado deste ano o crescimento do PIMAgro diminuiu para 0,3%. O indicador é baseado em dados da Pesquisa Industrial Mensal (PIM-PF) do IBGE e nas variações do Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-BR), da taxa de câmbio e do Índice de confiança do Empresário da Indústria de Transformação (ICI) da FGV.

Com a melhora na economia, o grupo de produtos alimentícios e bebidas, que havia crescido 10,6% em outubro ante o mesmo mês do ano passado, voltou a registrar variação positiva em novembro, embora bem menor (0,4%). O suporte veio do avanço de 6,8% observado na área de bebidas, já que houve queda de 1,3% no caso dos alimentos.

Entre os produtos alimentícios que compõem o PIMAgro, houve desempenho negativo, na comparação, entre os de origem vegetal (5,1%), incapaz de ser compensado pelo crescimento observado entre os de origem animal (0,7%). Nas bebidas, houve aumentos tanto no segmento das alcoólicas (7,8%) quanto no mercado das não-alcoólicas (5,7%).

No grupo de produtos não alimentícios, entretanto, novembro foi mais um mês de retração (2,8%). A maior pressão veio da área de produtos florestais (queda de 5,5%), seguida pelos retrocessos dos insumos (3,2%), dos produtos têxteis (2,2%) e da borracha (2,1%). Biocombustíveis e fumo, em contrapartida, voltaram a registrar variações positivas – 3,9% e 0,9%, respectivamente.

Fonte: Valor Econômico.

This post was last modified on 13 de janeiro de 2020 10:04

Share
Published by
Equipe BeefPoint

Recent Posts

Por que lucratividade é muito mais importante do que produtividade na sua fazenda?

Por que é tão importante falar de lucratividade versus produtividade? A primeira coisa é: são dados reais! Existem poucos bancos… Read More

28 de janeiro de 2020

Efeito do coronavírus no consumo de carne: “O que está acontecendo não é bom”, diz empresário uruguaio

O surto do coronavírus está alarmando o mundo, especialmente a China e outros países da Ásia, e está causando um… Read More

28 de janeiro de 2020

EUA: Futuros de gado caem em meio a temores de coronavírus

Na sexta-feira, o futuro dos bovinos vivos e para engorda dos EUA atingiu seus preços mais baixos em meses, em… Read More

28 de janeiro de 2020

Fogo na Austrália e peste suína africana devem favorecer carne brasileira

Os incêndios na Austrália afetam a produção de carnes no país, o que deve abrir espaço para novo salto de… Read More

28 de janeiro de 2020

Mapa faz esclarecimentos sobre coronavírus

Diante da emergência do vírus identificado na China em dezembro de 2019 – Coronavírus e já detectado em vários países,… Read More

28 de janeiro de 2020

Serviço de Inspeção Federal completa 105 anos

Responsável por assegurar a qualidade de produtos de origem animal, comestíveis e não comestíveis, destinados ao mercado interno e externo,… Read More

28 de janeiro de 2020

Assista Aula Grátis "As 7 Estratégias do Lucro em Fazendas"

Quero Assistir