Pecuaristas paraguaios pedem mais acesso aos mercados

A Associação Rural do Paraguai (ARP) alertou para a recente queda nos preços da pecuária, destacando a necessidade de abrir novos mercados de exportação para a carne guarani.

“Passamos de US $ 2,90 por quilo para US$ 2,75, marcando a maior redução de preços da região”, afirmou o chefe do sindicato, Luis Villasanti. A essa situação, somam-se as dívidas “de cerca de US $ 500 milhões que os produtores têm para empréstimos que exigiram e investiram tudo”.

Para o líder, diante dessa realidade, os mercados precisam ser repensados, porque atualmente dependem principalmente de empréstimos à China e à Rússia, países que respondem por mais de 70% das exportações paraguaias.

Fonte: El Observador, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.


ou utilize o Facebook para comentar