Categories: Giro do Boi

Ozaki: versão premium da carne wagyu custa mais de mil dólares o quilo

Em 2018, a Don Wagyu, uma pequena loja no distrito financeiro da cidade de Nova York, começou a vender um sanduíche de carne por US$ 185. Chamada de Ozaki, era uma peça de carne espessa, do tipo que derrete na boca, marmorizada com uma gordura deliciosa.

No lançamento desse sanduíche, a Don Wagyu chegou a receber filas que dobravam o quarteirão. A carne japonesa já é conhecida por ser mais rica e mais saborosa, devido à maneira que o gado é cuidado.

Wagyu, que em japonês significa “vaca japonesa”, já era conhecido pela sua qualidade. Porém, a ozaki vai além, sendo uma versão premium da carne já renomada.

Este tipo de wagyu foi idealizado por Muneharu Ozaki, que assumiu o rancho do pai com 100 cabeças de gado nos anos 80, aos 24 anos. A carne vem de um rebanho de 1600 cabeças de gado preto japonês, criado na província de Miyazaki.

Ozaki cria o gado com dieta 100% natural. Segundo ele, a ração é uma mistura especial de 13 tipos de grãos, na qual ele vem trabalhando há mais de 20 anos. Ela incluiu cevada, soja e trigo e é preparada diariamente.

De acordo com Ozaki, a idade também é um fator importante: o gado é criado por até 36 meses antes do abate, pois, acima deste período, os animais crescem mais lentamente e são mais suscetíveis à doenças.

Além disso, ele evita antibióticos e esteróides, para que o gado desenvolva um sabor ainda mais sofisticado e a gordura ainda mais marmorizada no interior do músculo.

Ozaki planeja aumentar o tamanho do seu gado para duas mil cabeças nos próximos três anos. A carne é vendida em pequenas quantidades para 32 países, incluindo Austrália, Arábia Saudita e Singapura.

Fonte: Msn.

This post was published on 14 de outubro de 2020

Share
Published by
Equipe BeefPoint
Tags: ozakiwagyu

Recent Posts

FAO: apesar da pandemia, produção mundial de carnes recua apenas meio por cento em 2020

No segundo Food Outlook do corrente exercício, ontem divulgado, a FAO estima que a produção… Read More

27 de novembro de 2020

Ministra da agricultura da Alemanha pede que frigoríficos trabalhem horas extras para escoar animais alojados em fazendas

A ministra da Agricultura da Alemanha pediu na sexta-feira (27) que os frigoríficos trabalhem nos finais… Read More

27 de novembro de 2020

Produtos agropecuários respondem por 21% da movimentação dos portos brasileiros

A participação dos produtos agropecuários na movimentação de cargas nos portos brasileiros passou de 16%… Read More

27 de novembro de 2020

IGC reduz estimativa para a produção globalde grãos em 2020/21

O Conselho Internacional de Grãos (IGC, na sigla em inglês) reduziu em 7 milhões de… Read More

27 de novembro de 2020

Câmbio e demanda externa pressionam alimentos, que pesam em preços ao produtor

A alta de 3,4% no Índice de Preços ao Produtor (IPP) em outubro foi fortemente… Read More

27 de novembro de 2020

China beneficia operações de Marfrig e JBS também nos EUA

O indicador de margem bruta da indústria de carne bovina dos EUA chamou a atenção… Read More

27 de novembro de 2020