JBS lança protocolos do programa “No Ponto” para 2014

A JBS lançou os novos protocolos do programa “No Ponto”, que tem por objetivo bonificar o pecuarista que se dedica a produzir um gado de qualidade. A cota “Machos Castrados”, apresentada ao mercado em 2013, continua oferecendo até R$ 8,00 a mais pela arroba do boi gordo, com base no preço Cepea, desde que os animais sejam machos castrados e apresentem as características exigidas pelo mercado, como um melhor acabamento de gordura e idade mais jovem.

Um animal que apresentar um acabamento de gordura mediano ou uniforme, e tiver de zero a seis dentes incisivos permanentes com peso entre 16 e 22 arrobas, consegue obter até R$ 5,00 no valor da arroba. Se o gado ainda for proveniente de uma fazenda habilitada a exportar para a Europa recebe mais R$ 1,00 e obtém outros R$ 2,00 se estiver enquadrado na Cota Hilton. Para receber todos os bônus, pelo menos metade dos animais do lote precisa obter a classificação “No Ponto”, considerada categoria “verde” no Farol da Qualidade JBS.

A novidade de 2014 é o lançamento da cota “Raças Britânicas”. Nessa cota, o pecuarista pode obter um bônus de até R$ 9,00 sobre o valor da arroba, desde que os animais do lote tenham pelo menos 50% de sangue britânico em sua genética e atenda as especificações de carcaça e habilitação Hilton. Dentro da nova cota, são aceitos fêmeas, machos castrados e inteiros.

“O programa ‘No Ponto’ tem se mostrado um sucesso. A JBS está incentivando quem quer produzir carne de qualidade. Mas para sustentar a captura de valor, precisamos conectar essa qualidade com o consumidor que se dispõe a valorizar o que é bom. Isso implica em gestão de categoria de produtos e planejamento integrado com o pecuarista”, afirma Eduardo Pedroso, diretor regional de originação da JBS.

Confira abaixo apresentação disponível no site da JBS:

Captura de Tela 2014-05-13 às 15.59.46

Captura de Tela 2014-05-13 às 16.00.00

Captura de Tela 2014-05-13 às 16.00.24

Fonte: JBS, resumida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

 


ou utilize o Facebook para comentar