Categories: Giro do Boi

Indústria de carne vermelha da Austrália pede apoio do governo

O Conselho da Indústria da Carne Australiana (AMIC, na sigla em inglês) pediu ao governo federal que dê apoio financeiro à indústria de carne vermelha após sofrer longos períodos de seca e inundação.

O pedido do CEO da AMIC, Patrick Hutchinson, veio depois que o governo da Austrália do Sul prometer A$ 7,5 milhões (US$ 5,32 milhões) em apoio à indústria local de carnes vermelhas.

A AMIC disse que apoia a medida do governo regional, que ajudará a apoiar o crescimento, a produtividade e a biossegurança da indústria local de produção de carne vermelha do estado.

Hutchinson disse que a cadeia de fornecimento de carne vermelha no país estava “se esforçando para se recuperar” e se não houvesse apoio maior do governo, a indústria de carne vermelha poderia enfrentar o mesmo destino de muitas indústrias que não prosperaram.

A entidade disse que a indústria  de carne vermelha p contribuiu com cerca de A$ 21 bilhões (US$ 15 bilhões) para o PIB da Austrália e foi o maior exportador agrícola da Austrália, gerando uma receita de A$ 16 bilhões (US$ 11,3 bilhões).

Os produtores australianos enfrentam uma das piores secas de sua história e houve inundações no estado de Queensland.

“Embora tenhamos visto a pior seca em memória viva e as recentes inundações catastróficas em Queensland, que afetaram uma parte da cadeia de fornecimento, a devastação reverberou ao longo de toda a cadeia de suprimento de carne vermelha, afetando muitos processadores e pequenos fabricantes de produtos, açougueiros independentes, muitos dos quais são proprietários de pequenas empresas na Austrália regional e rural ”, disse Hutchinson.

“Além disso, eles enfrentam outra seca –  uma seca de trabalhadores causada por um sistema de vistos inadequado, falta de barreiras não-tarifárias para os mercados de exportação, custos operacionais excessivos como energia e aumento da burocracia. ”

A AMIC apresentará um relatório a todas as partes dentro do Governo Federal nesta semana e pedirá que o custo excessivo de burocracia seja reduzido.

Fonte: GlobalMeatNews.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

This post was published on 26 de março de 2019

Share
Published by
Equipe BeefPoint

Recent Posts

Empresários preveem que oferta de produtos agrícolas será mantida

Embora a confiança no campo já não seja a mesmo do início do ano, sobretudo… Read More

26 de maio de 2020

Brucelose bovina: consumo de leite e carne crus é fator de risco

O consumo de carne crua de animais contaminados, leite cru ou produtos lácteos que não… Read More

26 de maio de 2020

Levantamento aponta que oferta de serviços melhorou para os caminhoneiros

Apesar de medidas restritivas à circulação da população continuarem em vigor em grande parte do… Read More

26 de maio de 2020

Produção de carne bovina nos EUA cai 21% em abril por conta do coronavírus

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a produção de carne nos Estados Unidos… Read More

25 de maio de 2020

Fechada para clientes, churrascaria assa carne na calçada na zona leste de SP

Desde as 3h deste domingo cerca de 80 quilos de costela permaneceram rodeadas de fogo,… Read More

25 de maio de 2020

Marfrig tem 25 casos positivos de covid-19 em funcionários de unidade de Várzea Grande (MT)

A Marfrig Global Foods foi notificada sobre testes positivos para covid-19 em 25 funcionários de… Read More

25 de maio de 2020