Categories: Giro do Boi

Exportação de boi em pé sobe 19%

As exportações de gado vivo se recuperaram no ano passado, somando 480 mil cabeças. Ao atingir essa marca, o setor conseguiu vender 19% mais bois em pé do que em 2011. Naquele ano, o setor havia amargado o pior momento desde 2008.

As exportações de gado vivo não sofrerão com as amarras colocadas à carne brasileira devido ao caso atípico de vaca louca, apesar de Jordânia e Líbano, dois dos grandes importadores de gado em pé, terem feito embargo ao produto brasileiro. Os dois países não vão importar produto apenas do Paraná, Estado que não exporta gado vivo.

Essas exportações são feitas basicamente por Pará e Rio Grande do Sul.

Fonte: Jornal Folha de SP, resumida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

This post was published on 11 de janeiro de 2013

Share
Published by
Equipe BeefPoint

Recent Posts

Chegou a sua chance de mudar o jogo da fazenda

Se você quer… 📍 Ter uma fazenda com mais lucro, satisfação, reconhecimento com mais harmonia.… Read More

5 de março de 2021

Uruguai: INAC considera exportar para países do Sudeste Asiático

O Instituto Nacional de Carnes (INAC) do Uruguai está explorando a possibilidade de facilitar exportações… Read More

5 de março de 2021

Senador dos EUA proporá lei que impede importação de commodities associadas a desmatamento

Os Estados Unidos deverão discutir em breve um projeto de lei para impedir que o… Read More

5 de março de 2021

Votação na Suíça pode definir peso de exigências ambientais

Pela primeira vez os suíços vão votar sobre um acordo comercial. A consulta popular a… Read More

5 de março de 2021

Rastrear fornecedores indiretos de gado demanda ‘várias engrenagens’, diz membro do comitê de sustentabilidade da Marfrig

O rastreamento dos fornecedores indiretos de gado dos frigoríficos para zerar o desmatamento nessa parcela… Read More

5 de março de 2021

Nova cepa de peste suína africana na China preocupa analistas

Uma nova cepa do vírus causador da peste suína africana (ASF) identificada na China tem… Read More

5 de março de 2021