Categories: Dicas de Sucesso

Conheça os principais conceitos sobre o crescimento de bovinos de corte

O crescimento animal envolve interações entre fatores hormonais, nutricionais, genéticos e de metabolismo. Caracteriza-se como o aumento da massa dos tecidos do corpo, seja pela produção e multiplicação de novas células, o que defina a hiperplasia, ou pelo aumento do tamanho das células existentes (hipertrofia) (OWENS et al., 1993). O conhecimento da curva de crescimento de bovinos de corte é de extrema importância, pois fornece informações para o estabelecimento de estratégias de manejo, contribuindo para a tomada de decisão sobre a adoção de determinada tecnologia.

Um dos fatores mais importantes para determinação do peso de abate é a eficiência de ganho de peso nas várias fases da curva de crescimento. Diversos fatores alteram a eficiência do crescimento de bovinos, como o peso, idade, nutrição, genética (raça e tamanho corporal), sexo e utilização de hormônios exógenos. Os fatores citados afetam a eficiência de crescimento de animais de corte através de duas características básicas: taxa de ganho e composição química dos tecidos depositados (gordura e proteína). Quanto maior a taxa de ganho, maior a eficiência de conversão em função da diluição das exigências de manutenção, que são relativamente constantes (LANNA, 1996).

A Figura 6 mostra o crescimento em função da idade do animal. Verifica-se que o crescimento inicia por ocasião da concepção (a) e segue até maturidade do animal (d). O peso acumulado do animal em relação a sua idade segue uma curva sigmóide; esta curva é composta por uma fase pré-puberdade de auto-aceleração e de outra pós-puberdade de auto-inibição. Adequar a disponibilidade de nutrientes às exigências do animal durante estas duas fases constitui-se num dos maiores desafios para os sistemas de produção de bovinos de corte.

Destacam-se dois pontos importantes da curva. Primeiro a puberdade (c), também chamado de ponto de inflexão, onde o crescimento passa da fase de auto-aceleração para auto-inibição. A partir deste ponto, ocorrem importantes alterações na deposição dos tecidos da carcaça e na eficiência alimentar. Já a maturidade (d) ou peso adulto é o ponto no qual cessa o crescimento muscular e ósseo e o ganho de peso passa a ser composto exclusivamente de gordura.

O peso adulto é positivamente associado com o peso no qual a fase de acúmulo de gordura é iniciada. Como resultado, o bovino com potencial maior de tamanho à maturidade (raças taurinas, por exemplo), normalmente cresce mais rápido e começa a acumular gordura com peso mais elevado, em relação a seus contemporâneos de tamanho menor.

O crescimento dos tecidos ósseo, muscular e adiposo (constituintes da carcaça) ocorre de maneira seqüencial e definida. Da concepção à puberdade, o crescimento é acelerado e rápido, à custa do desenvolvimento de ossos e músculos. Por ocasião da puberdade, aumenta a deposição de gordura.

Durante o crescimento, o indivíduo experimenta aumento de massa e alteração da forma corporal, em intensidade dependente das prioridades de desenvolvimento dos tecidos, na seguinte ordem: nervoso, ósseo, muscular e adiposo.

Como pode ser observado na Figura – 7, o crescimento ósseo pós-natal é pequeno, apresentando desenvolvimento mais precoce, mantendo-se constante praticamente durante a vida toda do animal. O tecido muscular tem seu maior desenvolvimento após o nascimento, sendo mais tardio em relação aos ossos, predominando até atingir a maturidade, sendo o principal constituinte do ganho de peso. O tecido adiposo é o último a se depositar, tendo seu crescimento de maneira mais acentuada após a puberdade, quando o crescimento muscular começa a diminuir (MANELLA e BOIN, 2002). A partir deste ponto, a maior parte dos alimentos fornecidos ao animal será convertida em gordura.

* Esta dica é um trecho do primeiro módulo do curso Produção de Gado de Corte conceitos técnicos e econômicos, que é instruído pelo zootecnista e consultor em nutrição e produção de bovinos de corte, formulação de dietas e suplementos, Dr. Rafael da Costa Cervieri.

Participe deste curso online:

Tema: curso online Produção de Gado de Corte conceitos técnicos e econômicos
Início: 07 de outubro
Duração: seis semanas
Instrutor: Dr. Rafael da Costa Cervieri
Local: treinamento por meio da internet
A quem se destina:
* aos que pretendem iniciar ou estão iniciando a produção de bovinos de corte
* aos que têm vivência com a atividade, mas procuram informações essenciais de como produzir com eficiência desde o princípio da atividade, focando todos os estágios de produção: cria, recria, terminação, além de abate, planejamentos e custos de produção.

O que você sabe sobre produzir gado de corte de forma rentável e econômica? Teste seus conhecimentos!

Gostou desta dica? Participe deste curso online e Inscreva-se agora mesmo!

O Curso Produção de Gado de Corte: conceitos técnicos e econômicos será realiazado novamente em janeiro de 2011, clique aqui e faça sua inscrição!

This post was published on 23 de setembro de 2008

Share

View Comments

  • Ótima informação pena que não tenho disponibilidade, pois este com certeza sera um bom trabalho, deveriamos ter mais informações como esta, apenas com este pequeno trecho pode-se aprender muito.

    Avaliação cinco estrelas.

  • Muito bom este artigo.

    Todo pecuarista deveria basear seu sistema de produção, principalmente engorda, fundamentados no conceito desse artigo, que seria uma pecuaria muito mais eficiente.

    Lembrando que a conversão alimentar é muito mais eficiente até a puberdade.

    Parabéns.

  • Excelente!
    Este curso sera uma grande oportunidade para melhorar o conhecimento de Estudantes como eu.

  • Esse é um assunto muito bom de se estudar... Com certeza, foi um ótimo curso, pena que não temos acesso a  mais informações. Nesse pequeno trecho pude tirar muitas informações

Recent Posts

Chegou a sua chance de mudar o jogo da fazenda

Se você quer… 📍 Ter uma fazenda com mais lucro, satisfação, reconhecimento com mais harmonia.… Read More

5 de março de 2021

Uruguai: INAC considera exportar para países do Sudeste Asiático

O Instituto Nacional de Carnes (INAC) do Uruguai está explorando a possibilidade de facilitar exportações… Read More

5 de março de 2021

Senador dos EUA proporá lei que impede importação de commodities associadas a desmatamento

Os Estados Unidos deverão discutir em breve um projeto de lei para impedir que o… Read More

5 de março de 2021

Votação na Suíça pode definir peso de exigências ambientais

Pela primeira vez os suíços vão votar sobre um acordo comercial. A consulta popular a… Read More

5 de março de 2021

Rastrear fornecedores indiretos de gado demanda ‘várias engrenagens’, diz membro do comitê de sustentabilidade da Marfrig

O rastreamento dos fornecedores indiretos de gado dos frigoríficos para zerar o desmatamento nessa parcela… Read More

5 de março de 2021

Nova cepa de peste suína africana na China preocupa analistas

Uma nova cepa do vírus causador da peste suína africana (ASF) identificada na China tem… Read More

5 de março de 2021