Conab reduz estimativa para a produção brasileira de grãos em 2018/19

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) reduziu em 1,12 milhão de toneladas sua estimativa para a produção brasileira de grãos nesta safra 2018/19, para 237,3 milhões de toneladas. Apesar do corte, se o volume for confirmado haverá crescimento de 4,2% em relação ao ciclo 2017/18 e será a segunda maior safra da história, menor apenas que a 2016/17 (237,7 milhões).

A revisão para baixo se deu sobretudo por causa de problemas gerados pela escassez em lavouras de soja, especialmente no Sul. Com isso, a projeção da Conab para a colheita do grão, carro-chefe do agronegócio no país, caiu de 120,1 milhões para 118,8 milhões de toneladas e poderá sofrer novos ajustes nos próximos meses.

Também houve correções, de menor proporção, para arroz, amendoim, girassol e outras culturas de menor importância econômica para o país.

A produtividade média das lavouras passou a ser calculada em 3.799 quilos por hectare, ante 3.815 quilos por hectare na estimativa anterior e de 3.689 em 2017/18.A área de plantio continuou estimada em 62,46 milhões de hectares, aumento de 1,2% em relação à temporada anterior.

Fonte: Valor Econômico.


ou utilize o Facebook para comentar