Carne: exportação reage em março e cresce em volume e receita
7 de abril de 2021
Frete para a China dispara e afeta exportação de carne
7 de abril de 2021

Carne bovina: alta do dólar não reflete em alta nas exportações em MT

Desde o ano de 2019, as cotações do dólar têm apresentado variações expressivas. Considerando a valorização da moeda americana e o volume exportado por Mato Grosso, foi possível observar que, no decorrer dos meses, as exportações de carne bovina não acompanharam o movimento de alta no dólar PTAX, segundo o Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea).

Segundo o instituto, no mês de fevereiro de 2021, o estado exportou 29,45 mil toneladas em equivalente carcaça, a um valor cambial de R$ 5,42 por dólar. Apesar do recuo nos embarques ser comum no período, as exportações tiveram uma queda mais intensa e fecharam a um percentual negativo de -5,34% na variação acumulada com início em janeiro de 2019, enquanto o dólar valorizou 44,75% no mesmo comparativo.

Diante disso, mesmo com o câmbio elevado podendo gerar maior lucratividade para quem exporta, os embarques têm sido menores por outros motivos como: a menor oferta de animais – que impulsionou os preços da arroba -, como também devido ao recuo da demanda externa, principalmente por países do continente asiático.

Fonte: Agência Safras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *