Cargill lança projeto para economizar água na produção de carne bovina

A Cargill se uniu à Nature Conservancy e à Nestlé Purina para lançar um projeto de três anos para melhorar a sustentabilidade da cadeia de fornecimento de carne bovina, disseram a empresa e a organização em um comunicado conjunto.

O projeto tem como objetivo reduzir o impacto ambiental da irrigação de safras em Nebraska, já que mais de 50% da água usada na produção de carne bovina dos EUA é dedicada a irrigar as plantações que se tornam rações.

O projeto Nebraska permite que os agricultores instalem sensores climáticos inteligentes nos campos de cultivo e usem a tecnologia Internet das Coisas (IoT) em aspersores conectados a um aplicativo de smartphone para gerenciar melhor o uso da água.

“Ao usar a tecnologia de sensor meteorológico inteligente para irrigação em plantações em fileiras, este programa pode ajudar a economizar 9 bilhões de litros de água de irrigação em três anos, o que equivale a cerca de 7.200 famílias”, disse Hannah Birge, gerente do programa de água e agricultura da The Nature Conservancy. “A redução do bombeamento também significa menos energia usada e menos despesas com mão-de-obra para os agricultores.”

Nebraska foi selecionada para o projeto porque tem a maior parcela de área irrigados nos Estados Unidos e a segunda maior população de gado. Em última análise, as informações aprendidas com o projeto devem ser aplicáveis a outras fazendas em outras partes do país.

Fonte: MeatingPlace.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.


ou utilize o Facebook para comentar