Categories: Giro do Boi

Bem-estar animal encabeça lista de causas que preocupam os americanos

Uma nova pesquisa descobriu que o bem-estar animal, a educação das crianças e a fome são as três principais causas com as quais os americanos se preocupam atualmente.

O bem-estar animal é a causa mais popular, seguida pela educação das crianças, a fome, a pesquisa de doenças, o socorro em desastres e o meio ambiente, de acordo com o estudo da empresa de comunicações global Ketchum. Segundo a pesquisa, agora em seu terceiro ano:

– O bem-estar animal é a principal causa que osamericanos interessados em apoiar, apontado por 41% dos entrevistados. Bem-estar animal tem sido um eterno favorito, sempre ficando entre os três primeiros.

– A educação das crianças é a segunda causa mais importante, com 38% dos americanos interessados em apoiá-la. A educação das crianças é consistentemente importante entre os americanos, oscilando entre 35 e 38% durante os três anos do estudo.

– A fome, escolhida por 33 por cento em 2018, é a terceira causa popular, caindo do primeiro lugar no ano passado.

– O alívio de desastres (nº 5) tirou o ambiente dos cinco primeiros lugares para a posição nº 6 este ano. As questões ambientais caíram 10 pontos no último ano, de 34% em 2017 para 24% em 2018.

O estudo revelou opiniões divergentes, de acordo com geração, etnia e renda familiar:

– Aqueles com 35 anos ou mais velhos eram mais propensos a identificar o bem-estar animal (43 por cento) como uma das principais causas, enquanto os jovens adultos (18 a 34 anos) escolheram a educação das crianças (44 por cento) sobre o bem-estar animal (37 por cento).

– Embora as mulheres sejam mais propensas que os homens (22% versus 11%) a mostrar interesse em questões de direitos das mulheres, a diferença de gênero diminuiu de 17 para 11 pontos percentuais no ano passado.

– Embora afro-americanos, hispano-americanos e caucasianos-americanos não compartilhem a mesma lista das três principais causas, a educação das crianças é uma linha comum entre as três.

– As pessoas com uma renda familiar de US $ 49 mil ou menos têm a mesma lista das três principais causas da população em geral, mas aquelas com uma renda familiar de US $ 100 mil a US $ 150 mil priorizam o meio ambiente sobre a fome.

O estudo do Ketchum Purpose foi realizado por meio de uma pesquisa online com 1.000 americanos. Em parceria com a Ketchum Global Research and Analytics, a Research Now conduziu a pesquisa de 27 de fevereiro a 1º de março.

Fonte: MeatingPlace.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

This post was published on 23 de abril de 2018

Share
Published by
Equipe BeefPoint

Recent Posts

Preço do Novilho do Mercosul segue perdendo força

O Novilho Mercosul voltou a cair nesta semana. O índice apurado pela Faxcarne apontou queda… Read More

25 de setembro de 2020

Equipamentos 3D são capazes de imprimir de um tudo — agora, até carnes

Em 1984, um estudante de engenharia perguntou ao americano Chuck Hull, inventor da impressora 3D,… Read More

25 de setembro de 2020

Certificação da Carne Hereford colhe resultados positivos em Santa Catarina

Assinado no final de 2019, o contrato entre a Associação Brasileira de Hereford e Braford… Read More

25 de setembro de 2020

BNDES volta a pedir ação por danos à JBS

Amparada por decisão favorável em tribunal arbitral, a BNDESPar, braço de participações acionárias do Banco… Read More

25 de setembro de 2020

Primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa já imunizou 166 milhões de animais

Os dados parciais da primeira etapa de vacinação contra a febre aftosa em 2020 mostraram… Read More

25 de setembro de 2020

Pecuária orgânica é oportunidade pós-pandemia

Atividade ainda incipiente no País, a pecuária orgânica é viável e representa uma oportunidade de… Read More

25 de setembro de 2020