Austrália registra crescimento de exportações de carne e animais

As exportações australianas de carnes vermelhas e miúdos atingiram A$ 13,78 bilhões (US$ 9,79 bilhões), um aumento de 13% com relação ao ano anterior no ano terminado em junho de 2018, segundo as últimas estatísticas da Meat & Livestock Australia (MLA).

O MLA disse que isso foi sustentado principalmente por um aumento nos abates de gado e preços mais altos por causa do rebanho menor.

O valor das exportações de carne bovina não superou os anos de seca de 2014 a 2016, mas foi o terceiro maior ano financeiro registrado em A $ 7,96 bilhões (US$ 5,65 bilhões).

O Japão, os EUA, a Coreia do Sul e a China continuaram a “sustentar” o valor das exportações de carne bovina, com os quatro maiores mercados respondendo por 75% do valor das exportações. As exportações de gado vivo permaneceram concentradas no sudeste da Ásia.

O MLA também revelou que, na Austrália, as difíceis condições de seca levaram ao aumento do abate de gado bovino em julho, bem como um declínio no peso de carcaças.

O abate nacional de gado no mês totalizou pouco mais de 712.000 cabeças, elevando o total acumulado no ano para 4,5 milhões de cabeças, um aumento de 21% em relação ao ano anterior.

A produção de carne bovina em julho totalizou mais de 203.000 toneladas de peso de carcaça, elevando o total acumulado no ano para 1,3 milhão de toneladas – 8% acima dos níveis de 2017.

Fonte: GlobalMeatNews.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar