Argentina fechou junho com maior exportação de carne bovina em nove anos

As exportações de carne bovina da Argentina registraram 42.380 toneladas de peso de carcaça, o que significa o maior nível em um mês nos últimos nove anos, de acordo com a Câmara de Indústria e Comércio de Carne daquele país (Ciccra).

A comercialização do produto argentino vem aumentando desde a eliminação das retenções, medida prometida pelo presidente Macri durante a campanha política. O relatório garante que, em termos homólogos, as vendas para o exterior aumentaram 74,1%, uma receita de US $ 158 milhões para esse conceito.

Segundo projeções, a Argentina espera fechar o ano com uma exportação de 435 mil toneladas de peso de carcaça, números muito superiores aos 313 mil toneladas colocadas em 2017. Se confirmados, o país poderá estar entre os sete maiores exportadores de carnes do mundo.

Com a China como maior compradora do produto argentino, com 51,1% das toneladas vendidas, a Argentina colocou 226,2 mil toneladas de carne nos primeiros seis meses do ano, uma melhora de 62% e um faturamento de US $ 861,5 milhões.

Fonte: El País Digital, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar