Milho: Movimento de queda é interrompido
14 de junho de 2022
Carne produzida no bioma Pampa conquista selo de identificação
14 de junho de 2022

Alemanha quer exigir rótulo sobre bem-estar animal em carnes

O governo alemão apresentou na terça-feira (07/06) um projeto de lei com novas regras sobre bem-estar animal. “Quero que carne de qualidade da Alemanha seja servida também no futuro. Para isso, nossas fazendas precisam urgentemente de um plano no qual possam confiar”, disse o ministro da Nutrição e Agricultura, Cem Özdemir, ao anunciar a proposta.

O plano, segundo ele, tem quatro elementos centrais: um rótulo obrigatório que especifica sob quais condições os animais foram criados, a reforma dos estábulos e financiamento para isso, ajustes nas leis de construção e licenciamento e melhores regras na lei de bem-estar animal.

Primeiro, novos rótulos para carne suína

O rótulo será colocado primeiro nos produtos de carne suína, e em uma etapa posterior em outros produtos de carne fresca. Sejam vendidos on-line, na loja de um fazendeiro ou em um supermercado, todos os produtos serão obrigados por lei a ter um rótulo que indique um dos cinco métodos de criação: curral, curral com espaço extra, curral ao ar livre, livre em terreno aberto e orgânico.

Embora a Alemanha já tenha iniciativas que rotulam produtos de carne fresca em quatro categorias similares, é a primeira vez que tal rotulação seria obrigatória por lei, explicou Bernhard Krüsken, secretário-geral da Associação de Agricultores Alemães. “E isso faz da Alemanha uma pioneira na Europa nesse tema”, disse à DW.

A associação fez parte da Comissão Borchert, uma coalizão de políticos, cientistas, associações agrícolas e ONGs ambientais que elaborou o projeto de lei.

Fonte: Climatempo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.