7 pontos chave para vendas de touros e genética – parte 1/2

Fiz uma lista, uma reflexão, do pontos para você avaliar se é um excelente vendedor de touros, de genética. Essas são coisas para você avaliar, refletir, usar como base para pensar, repensar, refletir, fazer uma análise estratégica do seu negócio de venda de touros.

Quantos clientes você tem? Você já tem uma base de clientes? Quanto mais clientes você tem, mais fácil, bem-sucedido, estruturado é seu negócio. É muito mais fácil vender para quem já comprou de você do que para quem ainda não comprou.

Quantos clientes repetem compra com você? Você pode ter um monte de clientes, mas eles compram uma vez e nunca mais voltam e isso será um problema. Clientes não são infinitos. Avalie os clientes antigos, qual a idade deles, há quanto tempo seu cliente mais antigo compra de você? Há dois anos, três anos, cinco anos, dez anos, trinta anos, quarenta anos? Isso é uma coisa muito boa, pois se você tem clientes comprando há muitos anos é um indicativo de que alguma coisa certa você está fazendo há muito tempo.

Como está seu preço? Quando você pega um produto similar ao seu, touro ou genética, como está seu preço? É mais alto, mais baixo, igual? Se você acredita que o produto x é similar ao seu produto, mas o seu está mais barato, provavelmente você está fazendo alguma coisa não tão bem feita na parte comercial, de marketing, de comunicação, de persuasão.

Entenda como você faz para ter uma máquina de vendas, de marketing, de persuasão, de influência e de negociação para que você faça esse negócio de venda de touros, que é específico, que vende um conceito, uma ideia, um relacionamento, um produto de valor unitário alto.

Tem uma série de características no processo de marketing, vendas e de negociação que é diferente de produtos de custo de valor unitário muito mais baixo e isso é importante analisar.

Qual sua base de clientes? Como sua base de clientes está estruturada? Você pode ter um monte de clientes, mas se você não tem base de clientes, não tem o contato deles, como e-mail, WhatsApp, celular, endereço, como você vai falar com ele de novo?

É importante você ter uma base estruturada, organizada, que você consegue entender e operar. Pode ser desde papel, pode ser uma planilha, um software, o que for melhor para você, mas é necessário ter documentado as maneiras de entrar em contato com seus clientes.

Como os clientes lembram de você? Em que momento eles lembram de você? O que você faz para eles estarem lembrando de você de uma forma frequente e positiva? Os clientes gostam de você ou quando você liga eles querem fugir de você, da ligação, querem falar que não podem atender naquele momento?

Tem gente que você adora receber uma ligação, uma visita, um contato e tem gente que fazemos de tudo para evitar, criando barreiras, um castelo de segurança intransponível para evitar que aquele contato aconteça, porque é um desperdício de tempo, energia e às vezes até de alegria!

Fonte: AgroTalento.

This post was published on 1 de agosto de 2019

Share
Published by
Miguel da Rocha Cavalcanti

Recent Posts

Produção de carne bovina nos EUA cai 21% em abril por conta do coronavírus

Desde o início da pandemia do novo coronavírus, a produção de carne nos Estados Unidos… Read More

25 de maio de 2020

Fechada para clientes, churrascaria assa carne na calçada na zona leste de SP

Desde as 3h deste domingo cerca de 80 quilos de costela permaneceram rodeadas de fogo,… Read More

25 de maio de 2020

Marfrig tem 25 casos positivos de covid-19 em funcionários de unidade de Várzea Grande (MT)

A Marfrig Global Foods foi notificada sobre testes positivos para covid-19 em 25 funcionários de… Read More

25 de maio de 2020

Ajustes em frigoríficos vieram para ficar, afirma especialista

As medidas de segurança adotadas no ambiente frigorífico para tentar mitigar o risco de contaminação… Read More

25 de maio de 2020

Cadeia de fornecimento da indústria de carnes está falhando, mas fazendas menores ainda podem atender às necessidades dos consumidores nos EUA

Will Harris ficou alarmado com as notícias de produtores sacrificando seus animais porque matadouros e… Read More

25 de maio de 2020

Brasil alcança abertura de 60 mercados para produtos agropecuários

O Brasil alcançou a marca de 60 mercados externos abertos para produtos agropecuários desde janeiro… Read More

25 de maio de 2020