Categories: Giro do Boi

2016 deve registrar o menor abate de bovinos desde 2003

A crise econômica reduziu o consumo de carne bovina no País em 2016, o que deve fazer com que o número de abate de bovinos no ano seja o menor dos últimos 13 anos, segundo levantamento da consultoria AgriFatto.

“Chegamos aos menores níveis de abate desde 2003, quando registrou-se 33,2 milhões de cabeças abatidas, entre números oficiais, consumo informal e consumo nas propriedades rurais”, afirma a consultora da casa Lygia Pimentel. Em 2016, a Agrifatto registrou um número parcial de 35 milhões.

Em relação a apenas o terceiro trimestre de 2016, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) apontou, em dezembro, que os produtores brasileiros abateram 7,32 milhões de cabeças de bovinos no terceiro trimestre de 2016, quedas de 4,1% em relação ao trimestre imediatamente anterior e de 3,5% sobre o terceiro trimestre de 2015.

Para Pimentel, as dificuldades econômicas influenciaram diretamente o consumo de carne bovina. Com o comprometimento da renda do brasileiro houve forte substituição da proteína pela carne de frango, que é mais barata. Além disso, a queda do consumo pressionou os preços no atacado, mas a oferta ainda restrita por conta do ciclo pecuário manteve o preço do boi alto.

“Isso acabou com a margem da indústria, que teve de escolher entre um prejuízo enorme com o processamento da carne ou um prejuízo menor com o custo fixo de plantas paralisadas”, diz Lygia em relatório, lembrando que em 2015 a Agrifatto contabilizou o fechamento de 43 plantas e outras 5 em 2016 (sendo a última em Alegrete, RS, da Marfrig).

A análise pondera que, por outro lado, de 2003 para hoje, houve mudanças relativas à carcaça bovina. A média ponderada de 16,47 arrobas por animal abatido em 2016 apresenta melhora de 7,3% em relação às 15,35 arrobas médias registradas em 2003. De toda forma, a produção de carne bovina caiu para 8,5 milhões de toneladas equivalente carcaça. “Um bom recuo que deve começar a reverter a partir de 2017”.

Fonte: Estadão, adaptada pela Equipe BeefPoint.

This post was published on 3 de janeiro de 2017

Share
Published by
Equipe BeefPoint

Recent Posts

Empresas que vendem carne bovina direto ao consumidor vê aumento da demanda em meio à pandemia nos EUA

A D&D Cattle Co., em Herman, Nebraska, comercializa carne bovina criada em rancho direto para… Read More

26 de maio de 2020

Uruguai: INAC lançará aplicativo que permite comprar carne e receber em casa

O Instituto Nacional da Carne (INAC) do Uruguai está trabalhando no design e na execução… Read More

26 de maio de 2020

O tal do hedge: os casos de Minerva e Suzano

Quando se tornou CFO da Minerva Foods em 2009, Edison Ticle trazia 15 anos de… Read More

26 de maio de 2020

No Brasil,maioria das fortunas nasceu de negócio familiar

Na lista dos mais ricos do Brasil, a maioria das fortunas foi criada a partir… Read More

26 de maio de 2020

Importação chinesa de carne suína bate recorde

As importações chinesas de carne suína bateram novo recorde em abril. O país asiático, que… Read More

26 de maio de 2020

Planta da Minerva em Goiás é habilitada a exportar carne bovina à Tailândia

A Minerva Foods, líder nas exportações de carne bovina na América do Sul, informou, em… Read More

26 de maio de 2020