World Butchers’ Challenge é “um marco” para açougueiros brasileiros

À medida que o Ano Novo se aproxima, o World Butchers’ Challenge também fica cada vez mais próximo. Com um total de 12 países participantes, a competição de 2018 deverá ser a maior já realizada.

De acordo com o World World’s Challenge Council, a Espanha teve que suspender sua participação na competição devido a problemas de financiamento. Como resultado, o Brasil entrou para preencher o cargo.

A equipe, liderada por Flavio Saldanha, vem trabalhando junta desde 2014 e participou de vários eventos no Brasil.

Saldanha, que dirige sua própria empresa – fs67 – como consultor em proteínas para restaurantes e supermercados, será acompanhado por Alder G Lopes, do Rei das Carnes; Elder Reis, do açougue Santo Antonio; a chef de cozinha do Cortés Asador, Daniela França Pinto; e Wellington Rodrigo Cesar Camargo, que trabalha no Rei das Carnes.

Antes da competição em março, a equipe está ansiosa para as oportunidades que abrirá para eles, para a indústria e para o país.

“Com certeza, o World Butchers’Challenge será um marco para a profissão de açougueiro no Brasil”, disse Saldanha. “É também a primeira grande competição neste nível em que participaremos e será parte do nosso objetivo de crescimento como indivíduos e profissionais. Espero que este evento abra espaço para que tenhamos competições como essa no Brasil.”

Saldanha acredita que, ao ter uma equipe que vem de cada canto do país com diferentes habilidades e novos cortes, dará a eles uma vantagem na competição.

O desafio também dará à equipe uma plataforma para ajudar a promover o comércio dentro de seu próprio país. “Hoje, o profissional da carne ou a profissão de um açougueiro não são reconhecidos ou desejados; muito jovens não acreditam na profissão e algumas tradições estão se perdendo”, explicou Saldanha.

“Acreditamos que esta oportunidade pode gerar orgulho na profissão e servir de exemplo para os jovens aspirarem a se tornar um de nós. Vendo que é possível ir longe como açougueiro e representar o Brasil em outros países, conhecer outras formas de trabalho e não se limitar a seu açougue, entender que a vida lhe oferece muitas oportunidades dentro e fora do Brasil.”

O World Butchers’Challenge 2018 ocorre no Titanic Exhibition Centre de Belfast em 20 de março de 2018. Também estão concorrendo os veteranos da competição, Austrália, Nova Zelândia e Grã-Bretanha, o atual campeão da França e, novos no desafio do próximo ano, Bulgária, Alemanha, Grécia, Irlanda, EUA, Itália e África do Sul.

“Estamos impressionados com as mensagens de apoio que recebemos de outros países, do Brasil e dos fãs que estão se formando e desejando nos acompanhar no evento”, concluiu Saldanha. “Dentro da nossa missão de desenvolver profissionais da carne, [bem como] a tradição e as raízes do açougue, estamos certos de que este é o caminho a seguir.”

Fonte: GlobaMeatNews.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar