Nova normativa sobre bem-estar animal na Argentina

O Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa) da Argentina atualizou o Regulamento de Inspeção de Produtos, Subprodutos e Derivados de Origem Animal, aprovado pelo Decreto 4238/68, incorporando um capítulo específico sobre bem-estar animal. Nesse sentido, há mais de uma década, os frigoríficos exportadores habilitados para vender para a União Europeia (UE) vêm cumprindo com normas equivalentes à recentemente promulgada pelo órgão sanitário nacional.

Agora, pela Resolução 46/2014, todas as plantas que estejam sob fiscalização federal deverão implementá-lo, estabelecendo-se a obrigatoriedade de desenvolver um manual de bem-estar animal que inclua o acompanhamento dos fornecedores e as boas práticas durante o transporte dos animais.

“Esse capítulo é fundamental para a Argentina no tema do abate humanitário”, disse o representante da Associação Argentina de Bem-Estar Animal, Rodolfo Acerbi.

Fonte: valorcarne.com.ar., traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.


ou utilize o Facebook para comentar