EUA: Creekstone Farms foi comprado por grupo japonês

O fornecedor de carne bovina e suína dos Estados Unidos, Creekstone Farms, foi vendido pela Sun Capital Partners para o conglomerado comercial japonês Marubeni Corporation por um valor de US$ 170 milhões.

A compra da Marubeni inclui a aquisição da subsidiária australiana Rangers Valley da Creekstone Farms, proporcionando ao grupo japonês uma forte posição em duas das principais regiões produtoras de carne bovina do mundo: Austrália e EUA.

Os termos do acordo não foram divulgados, mas várias fontes informaram que um valor de US$ 170 milhões, incluindo dívidas, foi acordado.

A aquisição da Marubeni vem à medida que muitos consumidores japoneses apresentam aumento da renda disponível, o que está aumentando a demanda local por carne de alta qualidade, impulsionando as importações de carne bovina australiana e americana.

O Japão compra carne bovina de ambos os países, à medida que esses possuem recursos, como abundância de água, tecnologia avançada de alimentação animal e práticas ambientais sólidas necessárias para produzir carne de alto nível. A Creekstone Farm cumpre com todas essas características, tornando-se uma aquisição atraente para investidores japoneses.

“Através desta aquisição, a Marubeni pretende tornar-se uma empresa verdadeiramente global, o que contribui para o abastecimento constante de carne bovina segura e deliciosa, contribuindo para a economia da sociedade e para a economia local.”

A Creekstone Farms foi vendida para o conglomerado comercial japonês da firma de investimentos norte-americana Sun Capital Partners, dona do frigorífico do Kansas desde 2005. Durante a sua propriedade, o negócio elevou as exportações em 800% , representando um quinto das vendas totais. Seu investimento no negócio ajudou a Creekstone a aumentar sua linha de produtos naturais de menos de 5% da produção no momento da aquisição para mais de 20% hoje.

A Creekstone Farms é mais conhecida nos EUA por fornecer a alguns dos melhores supermercados e restaurantes do país carne bovina Black Angus e carne suína Duroc sem antibióticos. O negócio também exporta para a Europa, América do Sul e Ásia.

Fonte: GlobalMeatNews.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar