-A +A

Wal-Mart oferece carne bovina de maior qualidade em lojas dos EUA

A rede de supermercados Wal-Mart está oferecendo carne bovina de maior qualidade nas lojas dos Estados Unidos visando aumentar as vendas de alimentos. A maior rede varejista do mundo confirmou que está agora vendendo carne bovina choice-grade (selecionada) em todas as suas 3.800 lojas dos Estados Unidos após reforçar as seleções nos últimos três meses.

A rede Wal-Mart tradicionalmente vendia somente carne bovina select-grade, que é de menor qualidade, mantendo seu foco nos baixos preços.

Devido ao tamanho inigualável do Wal-Mart – mais da metade de suas US$ 260 bilhões de vendas nos Estados Unidos no ano passado veio da venda de alimentos – sua mudança estratégica está tendo um efeito pronunciado no mercado atacadista de carne bovina.

A carne de melhor qualidade é mais cara. O resultado é que a diferença de preços entre os dois tipos de carne explodiu para 42 centavos por quilo de 6,6 centavos há alguns meses, ajudando a tornar a carne de maior qualidade mais cara para todos os compradores.

O Wal-Mart disse que a decisão de adicionar carne de maior qualidade veio em resposta à demanda dos consumidores por uma seleção maior de cortes. A rede disse que ainda está oferecendo as carnes de menor qualidade, para os consumidores que decidem baseado no preço.

“É importante oferecer uma gama de opções para suprir as necessidades de todos”, disse a porta-voz da companhia, Tara Raddohl. “Os resultados iniciais foram positivos”.

Além disso, o Wal-Mart tem encontrado dificuldade em atrair clientes que não estão focados somente no preço. A rede tomou medidas para atrair esses consumidores, com alimentos orgânicos, e uma tentativa feita há três anos para atrair os consumidores de maior renda, removendo a aglomeração nas lojas e oferecendo mercadorias mais sofisticadas que não são demandadas pelos principais clientes da rede.

O Wal-Mart registrou sua pior queda de vendas nos Estados Unidos – nove trimestres consecutivos de declínios nas vendas em lojas abertas a pelo menos um ano – e trouxe de volta os produtos de menor preço, bem como os produtos que antes eram os que mais vendiam, visando atrair de volta os clientes tradicionais. No mês passado, a companhia disse que teve três meses seguidos de vendas positivas nas lojas que já existiam no ano passado.

A carne choice tem mais gordura interna, ou marmoreio, o que a torna mais macia e saborosa. O produto é vendido amplamente em supermercados e, frequentemente, é usado em restaurantes. A carne select é menos macia e é vendida principalmente em lojas que atendem clientes de média e baixa renda.

O interesse do Wal-Mart em carne de maior qualidade está sendo bem visto pelos pecuaristas que produzem esse produto. Eles nem sempre são recompensados pelos maiores custos com alimentação animal e pela melhor genética dos animais que usam para produzir carne de maior qualidade. A mudança do Wal-Mart se traduziu em um aumento nos lucros para os pecuaristas.

O Wal-Mart começou a vender carne de maior qualidade em agosto.

Além disso, o volume não deverá cair em breve, à medida que os supermercados estocam carne de alta qualidade por causa dos feriados do final do ano e a forte demanda nos mercados de exportação continua.

Comentário BeefPoint: muito interessante ver o maior varejista do mundo começando a vender carne de mais alta qualidade e de maior preço. O WalMart é conhecido pelos preços baixos e vender esse tipo de carne é uma demonstração de que o mercado por produtos especiais (e mais caros) é uma tendência cada vez mais forte. Interessante também lembrar que os EUA têm um sistema de classificação de carcaças que facilita a implementação de trabalhos como esse. Esse é um dos temas que o BeefPoint considera mais relevantes para a pecuária brasileira.

Fonte: MarketWatch, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Assine nossa newsletter!

Enviar