Startup usa bactéria natural para melhorar a saúde do rebanho

A Bactana Animal Health, uma nova empresa que oferece uma alternativa natural e sustentável ao tratamento de animais de forma profilática com antibióticos e hormônios, juntou-se ao McGovern Center for Venture Development in the Life Sciences de Cornell, no início de maio.

A nova empresa está explorando os benefícios da bactéria de ocorrência natural, Faecalibacterium prausnitzii, introduzindo-a no intestino dos animais para evitar doenças e promover um crescimento saudável.

“A população mundial está crescendo, e estamos vendo um aumento per capita no consumo de proteína animal. É uma tendência que só vai aumentar”, disse Rodrigo Bicalho, professor associado na Faculdade de Medicina Veterinária e diretor científico da Bactana.

Durante décadas, os antibióticos têm sido usados livremente para promover o crescimento e prevenir doenças em rebanhos nos Estados Unidos e no mundo. Como esta prática contribui significativamente para a resistência aos antibióticos humanos, a Food and Drug Administration (FDA) implementou recentemente a Veterinary Feed Directive (VFD), que proíbe que os antibióticos sejam administrados aos animais de produção como uma profilaxia preventiva, de acordo com Bicalho.

“Este regulamento criou uma ampla lacuna na indústria da saúde animal,” disse John Kallassy, diretor executivo da Bactana. “Antibióticos profiláticos têm sido oferecidos livremente para suínos e aves há décadas. Os produtores de gado procuram agora alternativas novas e rentáveis. Nossa tecnologia inovadora está pronta para atender a essa demanda emergente”.

Os produtos nutricionais e farmacêuticos existentes não vão preencher essa lacuna, e como o mundo está cada vez mais exigindo soluções sustentáveis e eficazes para atender a demanda por proteína de qualidade, estamos bem posicionados para o sucesso, disse Kallassy.

O laboratório de Bicalho inicialmente examinou e mapeou o microbioma do gado durante os primeiros estágios da vida. “Descobrimos que a F. prausnitzii é abundante entre os bezerros mais saudáveis”, disse Bicalho. Após dois anos adicionais de pesquisa, o laboratório isolou várias cepas nunca antes identificadas da bactéria (esta, agora denominada de FPS-4 pela startup).

A FPS-4 da Bactana – um “colonizador intestinal pioneiro” – oferece uma alternativa natural, segura, eficaz e barata ao uso excessivo de antibióticos. Em ensaios clínicos, o produto proporcionou um aumento de 13% no ganho de peso em animais e uma redução de 66% na taxa de mortalidade associada à diarreia severa. Ao colocar micro-organismos benéficos nos intestinos dos animais, eles são capazes de evitar doenças, além de proporcionar outras melhorias.

“A população mundial crescente está demandando mais leite, mais frango, mais carne suína e carne bovina, mas prefere comprar carne de baixo custo e de alta qualidade, inclusive, sem antibióticos ou hormônios”, disse Bicalho, que também é pesquisador do Atkinson Center for a Sustainable Future. “Precisamos de animais saudáveis e que cresçam mais rápido.”

Fonte: Universidade de Cornell, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar