Pastagens desativadas permitirão crescimento da agricultura

A agricultura brasileira, que ocupa 8% do território nacional, crescerá sobre pastagens desativadas e não sobre novas áreas, disse nesta segunda-feira (30) o ministro da Agricultura, Blairo Maggi, em Miami (EUA), durante palestra em seminário sobre a Indústria na América Latina.

Maggi encerrou no país viagem que teve início na Alemanha e incluiu participação em reunião de ministros da Agricultura dos países do G20, visita aos parlamentos alemão e europeu, encontro com deputados do Partido Verde, em Berlim, reuniões com políticos e empresários na Europa.

Uma das bandeiras do ministro era demonstrar que os agricultores e o agronegócio no Brasil respeitam regras ambientais rígidas e que esse esforço precisa ser reconhecido. Maggi disse haver desinformação em relação à produção brasileira de alimentos e chegou a dizer que o exemplo do país deve ser seguido..

Fonte: Mapa, resumida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Uma opinião sobre “Pastagens desativadas permitirão crescimento da agricultura”

  • Antunes - 31/01/2017

    A produção agrícola na região de Cascavel, teria um crescimento e consequente produtividade de 30% a mais; Se não fosse uns turrões funcionários do governo, que olham por outro ângulo o progresso do agronegócio. É preciso aposentar esses “individuos”, e mandá-los para casa tomar chimarrão, caipirinha e dormir na rede. Seria o mais conveniente! Pois, o agronegócio é a saída mais inteligente, viável do país para o progresso, vencendo a crise o desemprego e a recessão .

Os comentários estão encerrados.


ou utilize o Facebook para comentar