Índia proíbe venda de gado para abate

O governo da Índia proibiu a venda de gado “improdutivo” em todo o seu território – ou seja, animais que não dão leite e não são usados para procriação, que geralmente são vendidos para abate.

No país, a vaca é considerada sagrada, e na maioria dos Estados já não é permitido criar ou vender gado para abate.

Diferentemente das restrições anteriores, porém, essa medida se aplica também aos búfalos. Graças a esses animais, a Índia é hoje a maior exportadora de carne bovina do mundo depois do Brasil em toneladas de carne.

Segundo o “Financial Times”, a medida deve devastar a economia baseada na exportação de carne no país, que hoje gera US$ 5 bilhões por ano. O jornal afirma que o país tem 190 milhões de cabeças de gado bovino e 108 milhões de búfalos.

Fonte: Valor Econômico, adaptada pela Equipe BeefPoint.

Uma opinião sobre “Índia proíbe venda de gado para abate”

  • Adriano Alves de Oliveira - 30/05/2017

    OTIMO PRO BRASIL

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar