Deutsche Bank reduz preço-alvo das ações da JBS de R$ 23 para R$ 21,25

O Deutsche Bank reduziu em 7,6% o preço-alvo das ações da JBS, de R$ 23 para R$ 21,25, mantendo a recomendação de compra. O banco alemão também diminuiu em 1,3% sua previsão para a receita da companhia em 2016, de R$ 176,04 bilhões para R$ 173,78 bilhões.

Em nota, o Deutsche destacou que essas revisões refletem os resultados da JBS no segundo trimestre de 2016, além de comentários da diretoria da empresa durante a teleconferência do período.

A estimativa do banco para o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) da empresa também baixou: 2%, de R$ 12,42 bilhões para R$ 12,20 bilhões em 2016. Já a projeção para a margem Ebitda caiu de 7,1% para 7%.

O Deutsche acrescentou que, apesar dos riscos, a reestruturação em curso (por meio da qual a JBS irá listar ações na bolsa de Nova York e levar sua sede à Irlanda) e o provável salto nos lucros “pintam um atraente retrato de risco-recompensa”.

O banco ponderou, contudo, que há alguns fatores negativos sobre os quais se deve manter a atenção, entre eles o enfraquecimento da demanda global, a valorização das moedas brasileira e australiana, o aumento das barreiras comerciais e de custos de produção.

Fonte: Valor Econômico, adaptada pela Equipe BeefPoint.


ou utilize o Facebook para comentar