Cepea: Liquidez interna segue lenta; exportações crescem

O ritmo de negócios segue lento no mercado de boi gordo. No spot, a oferta de animais prontos para abate continua limitada, mas, segundo pesquisadores do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ/USP), alguns frigoríficos têm menos urgência de compra, visto que vêm recebendo animais de contratos.

O Indicador ESALQ/BM&FBovepa do boi gordo caiu 0,88% entre 4 e 11 de outubro, fechando a R$ 151,06 na terça-feira, 11. Quanto às exportações de carne bovina in natura, os embarques cresceram 12,8% de agosto para setembro, impulsionados pelas vendas ao Egito, que tem sido o principal destino da carne bovina brasileira neste ano. Entre janeiro e setembro, 152,9 mil toneladas foram exportadas para aquele país, de acordo com dados da Secex.

Fonte: Cepea, adaptada pela Equipe BeefPoint.


ou utilize o Facebook para comentar