Amazon quer tornar produtos da Whole Foods “acessível a todos”

A Amazon disse na quinta-feira que antecipou o fechamento de seu acordo para adquirir a Whole Foods Market para segunda-feira – e que sua influência seria sentida em pouco tempo.

As lojas da Whole Foods Market oferecerão preços mais baixos a partir de segunda-feira em uma seleção de itens alimentícios de melhores vendas em suas lojas, enquanto a Amazon embarcará em um plano para que a Amazon Prime aproveite o programa de fidelidade Whole Foods com o objetivo de fornecer “economias especiais e benefícios na loja” para os clientes Prime.

A Amazon também disse disponibilizaria produtos de marca própria da Whole Foods através de seus canais de compras virtuais e que colocara instalações em lojas selecionadas de Whole Foods para facilitar a entrega de pedidos on-line.

“Estamos determinados a tornar a comida saudável e orgânica acessível para todos. Todo mundo deve poder comer a qualidade da Whole Foods Market – reduziremos os preços sem comprometer o compromisso prolongado da Whole Foods Market com os mais altos padrões “, disse Jeff Wilke, CEO da Amazon Worldwide Consumer, em um comunicado.

“Para começar, vamos baixar os preços a partir de segunda-feira em uma seleção de produtos básicos mais vendidos, incluindo bananas orgânicas Whole Trade, salmão de produção responsável, ovos grandes marrons orgânicos, carne magra em 85% de animais classificados para bem-estar, entre outros. E este é apenas o começo – faremos do Amazon Prime o programa de recompensas de clientes na Whole Foods Market e continuamente baixaremos os preços enquanto inventamos juntos. Há um trabalho e uma oportunidade importantes pela frente e estamos animados para começar.”

A Amazon anunciou o acordo para adquirir a Whole Foods em junho, por US$ 13,7 bilhões. Seu anúncio feito na quinta-feira confirmou especulação de que a Amazon usaria o acordo como um meio para integrar mais estreitamente os mundos das compras físicas e digitais, ao mesmo tempo em que reforça uma deficiência de longa data na percepção de preços na Whole Foods, enquanto acelera um programa de fidelidade incipiente.

“Foi nossa missão por 39 anos na Whole Foods Market trazer alimentos de maior qualidade para nossos clientes”, disse John Mackey, co-fundador e CEO da Whole Foods Market.

“Ao trabalhar em conjunto com a Amazon e nos integrar em várias áreas chave, podemos diminuir os preços, duplicar essa missão e alcançar mais pessoas com alimentos de alta qualidade, naturais e orgânicos da Whole Foods Market. Como parte do nosso compromisso com a qualidade, continuaremos expandindo nossos esforços para apoiar e promover produtos e fornecedores locais. Mal podemos esperar para começar a mostrar aos clientes o que é possível quando a Whole Foods Market e o Amazon inovam juntos.”

Resumindo as mudanças que começaram hoje:

  • A Whole Foods Market oferecerá preços mais baixos em uma seleção de produtos básicos mais vendidos em suas lojas, “com mais por vir”. A empresa não disse o valor pelo qual os preços seriam reduzidos nem especificou o número de produtos afetados, mas citou bananas Whole Trad, abacates orgânicos, óvos marrons orgânicos, salmões e tilápias orgânicos com produção responsável, cabra orgânica e alface, carne moída magra 85% de animais classificados para bem-estar, manteiga de amêndoa cremosa e crocante, maçãs Gala e Fuji orgânicas, frango orgânico, manteiga orgânica 365 Everyday Value, “e muito mais”, como produtos que teriam reduções nos preços;
  • Após a conclusão de um certo trabalho de integração técnica, o Amazon Prime se tornará o programa de recompensas de clientes da Whole Foods Market, proporcionando aos membros Prime economias especiais e outros benefícios na loja;
  • Os produtos de marca própria da Whole Foods – incluindo 365 Everyday Value, Whole Foods Market, Whole Paws e Whole Catch – estarão disponíveis através da Amazon.com, AmazonFresh, Prime Pantry e Prime Now; e
  • O Amazon Lockers estará disponível em lojas selecionadas da Whole Foods Market. Os clientes podem ter produtos enviados pela Amazon.com para sua loja local Whole Foods Market para retirar.

Fonte: Supermarket News, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.

Uma opinião sobre “Amazon quer tornar produtos da Whole Foods “acessível a todos””

  • Moyses Veiga - 29/08/2017

    Veja sob dois ângulos: Como consumidor de orgânicos. É bom saber que os preços serão reduzidos e assim, mais pessoas poderão comer comida de verdade. Como profissional da área de produção orgânica. Penso na preservação dos princípios e pilares da produção orgânica. Essa estratégia será acompanhada de assistência técnica qualificada para que novos agricultores mudem do sistema convencional para o orgânico? Espero que sim, pois, do contrário será um outro problema a inserção de produtores só interessados na grana da produção certificada de orgânicos.

Deixe seu comentário

Todos os campos são obrigatórios


ou utilize o Facebook para comentar